Author Archive Vitor Silva

4 Dicas de segurança para profissionais de saúde em casa (Foto de RF._.studio no Pexels)

4 Dicas de segurança para profissionais de saúde em casa

Cuidar é uma função essencial que vem com muitos benefícios e conexões. No entanto, os cuidadores também devem cuidar de si mesmos. 

Mas O que é Home Care? E por que pode ser necessário ter cuidados de segurança nessa profissão? 

A segurança vem em muitas formas diferentes – desde a saúde física até diferentes tipos de riscos no cuidado. 

Você precisará cuidar do seu próprio bem-estar enquanto cuida de seus entes queridos ou pacientes em casa. 

Felizmente, seguir as dicas de segurança a seguir para profissionais de saúde domiciliar o ajudará a atingir o equilíbrio certo.

1. Avalie a comunidade

A comunidade física de onde você trabalha pode influenciar sua segurança. Por exemplo, ir para o bairro ou local de residência é o primeiro passo todos os dias. Se o tempo estiver perigoso, certifique-se de que a casa ainda esteja acessível.

Em segundo lugar, os cuidadores tendem a trabalhar em uma ampla variedade de lugares. Se é sua primeira vez trabalhando em um novo local, você deve explorar a área para se certificar de que conhece os prós e contras. 

Onde estão os recursos de cuidado? Existe algum hospital por perto?

2. Verifique se há perigos

A próxima etapa é entrar na casa ou local de trabalho. Não importa se é a primeira vez que trabalha neste local ou se já está lá há anos, sempre haverá vários perigos em casa.

De tapetes soltos a elétricos expostos a corrimãos, esses tipos de riscos ao cuidar são aqueles com os quais você deve estar atento.

A correção ou solução desses problemas é crítica. Ao trabalhar com residentes, você não vai querer se preocupar em escorregar ou cair. 

O paciente é o seu foco – machucar-se no processo é algo que você pode evitar lidando com os perigos de antemão.

3. Cuide da sua saúde

A saúde física e mental andam de mãos dadas. Se você sentir que um está lutando, o outro provavelmente não está muito atrás. 

Monitore sua saúde física certificando-se de que está sempre se sentindo bem. Caso contrário, pode ser necessário tirar o dia de folga. 

Por exemplo, o esforço excessivo pode ocorrer facilmente com levantamento de peso, posições inadequadas ou ações repetitivas.

Além disso, o saneamento e a higiene são essenciais para resolver. Todos na casa se beneficiam do espaço mais limpo. Use as ferramentas certas para higienizar e limpar e você estará pronto.

Em última análise, o estresse pode causar uma série de problemas de saúde pessoal durante o cuidado. Certifique-se de participar de atividades e hobbies para aliviar o estresse, para mantê-lo ativo e feliz.

4. Ter recursos para violência

A violência é uma possibilidade no trabalho como cuidador. Quer sejam residentes frustrados por serem dependentes, pacientes mentalmente instáveis ​​ou raiva geral, você deve se preparar para atos potencialmente agressivos.

Tente não trabalhar sozinho, se possível. Cerca de 21% dos enfermeiros e estudantes de enfermagem sofreram agressão física ao longo de um ano. Quando você trabalha com outras pessoas, você tem ajuda, se precisar.

Além disso, sempre tenha números para ligar e recursos em mãos, caso ocorra qualquer forma de violência.

4 Vantagens Do Trabalho Autônomo (Foto de Zen Chung no Pexels)

4 Vantagens Do Trabalho Autônomo

No momento de escolher uma profissão, muitos pensam na segurança e saúde no trabalho. Por isso, optam por um trabalho dentro de uma empresa no regime CLT por acharem que estão perfeitamente assegurados contra possíveis acidentes e todas as suas leis garantidas. 

Mas, acontece que o trabalho como empregado te obriga a abrir mão de certas coisas que para outros são essenciais. Coisas que só um trabalho autônomo pode oferecer. Por isso, muitos trabalhadores no regime formal de trabalho optaram por abandonar suas carreiras para seguir no trabalho autônomo.

Essa modalidade de trabalho proporciona várias vantagens exclusivas. Se você ainda está na dúvida se migrar ou não para o trabalho autônomo, veja nesse artigo as 4 vantagens dessa modalidade de trabalho. 

Primeira vantagem: flexibilidade

Sem dúvidas, a flexibilidade é uma das maiores, se não a maior, vantagem do trabalho autônomo. Nesta modalidade você é quem escolhe os seus horários de serviço. Se você quer ir a um médico, a um aniversário de um amigo, curtir uma praia, tudo isso é possível trabalhando de forma autônoma. 

Entretanto, é preciso entender que apesar da flexibilidade, a autonomia no trabalho não deixa de ser um trabalho. Se você não trabalhar naquele dia, poderá ser um dinheiro perdido dependendo do trabalho que você exerça.

Segunda vantagem: Não existe chefe

No trabalho autônomo não existe uma hierarquia a ser seguida. Você é o seu próprio chefe. Você quem se manda, se cobra, se dá férias. E ao mesmo tempo que isso é uma grande vantagem, este ponto se constitui como um grande desafio.

Como você não tem chefe, você precisa ter uma disciplina bem rígida consigo mesmo para conseguir dar conta de todo o trabalho. É preciso ter equilíbrio para não trabalhar além da conta, mas também não relaxar demais.

Terceira vantagem: Não há exigência de formação

Encontrar um emprego no Brasil na sua área de formação tem sido uma tarefa cada vez mais difícil. Por esse fato é que muitos profissionais recém formados escolhem ir para o trabalho autônomo. Pois, nesta modalidade não existe nenhuma exigência de formação específica na área.

Porém, é óbvio que qualquer trabalho que você exerça é preciso conhecer. Claro que você não vai levar anos estudando, como em uma formação formal em faculdade, por exemplo. Mas, se você for trabalhar com a venda de bolos, redação freelancer, organizadora de eventos, ou qualquer outra coisa, é preciso se inteirar. 

Quarta vantagem: Oportunidade de trabalhar com o que ama

Quem nunca ouviu uma história parecida com a de um médico bem sucedido na profissão, mas que deixou a carreira para trás para seguir sua paixão de dirigir um caminhão? Ou aquela juíza excelente, que largou toda a carreira para seguir seu sonho de fazer bolos? 

Essas e tantas outras, são histórias de profissionais que seguiram uma profissão completamente distante da sua paixão, mas que resolveram dar um start na sua vida. Essa é uma das grandes vantagens do trabalho autônomo, você tem a oportunidade de trabalhar com o que ama. Isso é algo que faz tudo valer a pena.

Veja Como Ganhar Dinheiro Viajando (Foto de Leah Kelley no Pexels)

Veja Como Ganhar Dinheiro Viajando

Escolher pacotes de viajem certamente é um dos melhores momentos na programação de uma viagem. Agora, imagine eternizar esses momentos? Imagine como seria sua vida se pudesse viver viajando. Já pensou? Periodicamente você escolhe destinos paradisíacos à históricos, rodando o mundo inteiro…

Mas, do sonho você cai na realidade: Para viajar é preciso de dinheiro! E para conseguir dinheiro é preciso trabalhar! E trabalhar e muito para ter uma vida assim, de verdadeiro viajante. Mas, se a gente te dissesse que é possível ganhar dinheiro viajando? Você acreditaria? 

Sim! É possível  trabalhar rodando o mundo. É possível ganhar dinheiro apenas viajando. Mas calma! Não é preciso de uma formação intensa para isso. Mas também, não é algo de mão beijada. Neste artigo, selecionamos algumas formas de ganhar dinheiro rodando o Brasil e o mundo. Veja! 

Trabalho em cruzeiros

Viajar em um cruzeiro é o sonho de grande parte da população. Ele é bonito, confortável e proporciona a possibilidade de conhecer vários destinos. Para quem trabalha no cruzeiro, tem à disposição a chance de trabalhar viajando. 

Atualmente muitos profissionais são contratados para trabalhar em Cruzeiro como cozinheiros, bartender, massagistas, recepcionistas, camareiras, etc. O trabalho costuma ser duro, mas geralmente todos eles possuem momentos de folga. Você pode aproveitar esses momentos para conhecer os pontos turísticos da cidade.

Aluguel de apartamento

Alugar o apartamento é outra excelente forma para ganhar dinheiro viajando. Você pode viajar com o dinheiro do aluguel. Mas, para isso, alguns cuidados precisam ser tomados, principalmente cuidados com a segurança.

Você precisa se certificar de que o dinheiro do aluguel será entregue, para você não passar perrengue durante a sua viagem. Faça bons contratos e se possível alugue o seu apê para pessoas que você tenha minimamente certo conhecimento sobre elas. 

Trabalhos freela online

Hoje em dia a internet virou sinônimo de trabalho. Nessa rede há uma diversidade de trabalhos que você pode fazer. Com apenas um notebook ou smartphone e uma conexão com a internet você já tem as ferramentas necessárias para um trabalho.

Trabalhos como redator e marketing digital estão entre os mais procurados. Mas, se você já tem alguma formação, você pode oferecer consultas online, por exemplo. É uma maneira de você ganhar dinheiro viajando. Afinal, você pode trabalhar de onde estiver. 

Trabalhos com fotografias

Se você gosta de tirar fotos e capturar belas imagens com boa qualidade, então essa é a forma ideal para você ganhar dinheiro enquanto roda o mundo. Você pode tirar fotos dos lugares por onde passa e vendê-las para bancos de imagem ou até mesmo para sites que compram fotos. É possível ganhar um bom dinheiro com fotografias.

Vendas online

Se você tem a habilidade de empreendedor correndo nas veias, então você pode entrar para o mercado de infoprodutos. Os infoprodutos nada mais são do que produtos digitais vendidos exclusivamente através da internet. 

Você pode criar os seus próprios infoprodutos, produzindo um e-book com algum conteúdo de seu domínio, por exemplo, ou se tornar afiliado de algum produtor. A venda de infoprodutos tem crescido muito nos últimos anos e é uma excelente forma de ganhar dinheiro viajando.

4 habilidades que você precisa para construir uma carreira de design da Web em 2021 (Foto de Canva Studio no Pexels)

4 habilidades que você precisa para construir uma carreira de design da Web em 2021

A indústria de web design é uma profissão em crescimento que é atraente por vários motivos.

Na sociedade moderna, muitas organizações e empresas dependem de sua presença online.

Como tal, os indivíduos que desenvolvem, projetam e gerenciam seus sites estão em alta demanda.

Hoje, as empresas e organizações preferem lidar com web designers profissionais que são adeptos da criação de sites porto alegre e do gerenciamento de seus sites.

Se você está começando em sua carreira de web design, existem algumas habilidades essenciais que você precisa possuir para prosperar neste setor.

Continue lendo para descobrir as habilidades de que você precisa para construir uma carreira sólida em design de web.

1. HTML

O que é Html

HyperText Markup Language (HTML) é a base de todos os sites.

Em sua carreira em web design, HTML é uma das coisas mais importantes que você aprenderá ao iniciar uma carreira em web design.

É por isso que HTML é uma das primeiras coisas que você deve estudar.

Mesmo se você planeja usar CMS, você deve saber HTML.

Isso ocorre porque conhecer HTML permitirá que você entenda como essas ferramentas funcionam e lhe dará mais controle sobre seu trabalho.

Além disso, esse conhecimento permitirá que você trabalhe fora desses editores.

Quem trabalha como web designer deve saber usar HTML.

Mesmo que eles não o apliquem em suas funções de trabalho do dia a dia, eles têm um conhecimento sólido dessa linguagem de marcação.

2. CSS

O que é Css

Enquanto o HTML governa a estrutura dos sites, o Cascading Style Sheets (CSS) dita sua aparência visual.

Assim, CSS é outra ferramenta essencial que os web designers devem aprender.

Muitos web designers aprendem HTML e CSS lado a lado.

Isso ocorre porque as duas linguagens são os ingredientes que compõem o estilo e a estrutura de qualquer página da web.

3. JavaScript

O que é Javascript

Conforme você aprende HTML e CSS, também terá que aprender JavaScript.

JavaScript é uma linguagem mais avançada de programação. Torna os websites funcionais e mais interativos.

A indústria de web design está sempre crescendo.

Com esse crescimento, os padrões estão se tornando mais rígidos.

Além disso, com isso, como desenvolvedor web, haverá expectativas maiores dos clientes para os quais você trabalha e dos sites que você desenvolve.

O JavaScript permitirá que você crie experiências aprimoradas para os usuários da web.

Quando você usa JavaScript, pode incorporar recursos especiais em seus sites.

Isso inclui (mas não está limitado a) vídeos, barras de pesquisa e botões de mídia social como.

JavaScript serve como uma linguagem que complementa o HTML.

Enquanto o HTML dita a estrutura de uma página da web, o JavaScript fornece mais funcionalidade à página.

4. Sentido de Design

Como um web designer, você deve ter um bom senso de design. Web design é mais do que saber quais cores ficam bem quando combinadas.

Você deve ter um conhecimento sólido dos princípios de design, os elementos de design, como usar imagens, princípios de layout e práticas recomendadas de tipografia.

Você também deve compreender como indivíduos reais irão interagir com um design.

Isso o ajudará quando se trata de tomar as decisões certas para que você possa atender aos requisitos desse site.

3 dicas e truques para o sucesso como motorista de app (Foto de Peter Fazekas no Pexels)

3 dicas e truques para o sucesso como motorista de app

Muitas pessoas tem encontrado dificuldades em entrar em um novo trabalho e acabam usando de um carro alugado ou carro próprio para virar motorista de aplicativo.

Para muitos, tem sido uma solução que tem colocado dinheiro para dentro de casa e por isso, deve ser algo considerado atualmente. 

Se quiser dicas e truques para melhorar os seus ganhos, confira: 

1. Crie material sob medida

Pensar em criar uma playlist para os seus longos dias de viagem pode ser uma ideia muito boa, já que nem sempre o viajante quer ouvir alguma rádio.

Ter um conteúdo próprio e selecionado pode ajudar a deixar a sua rotina meio cansativa de ouvir as mesmas músicas, mas também permite uma maior interação com o cliente.

Perguntar qual é o estilo musical e ter uma playlist para mostrar é um diferencial muito grande e pode fazer com que a sua nota nos aplicativos seja um grande destaque por isso. 

Crie algo único para o seu público. Ele vai se destacar entre os clones.

A dica uber de 5 estrelas: não imite, inove.

2. Forneça o ambiente certo

“Sempre levo óleos essenciais em meu carro, meus aromas favoritos são morango e jasmim, e eles ajudam os clientes a relaxar e aproveitar o passeio.”

Há pessoas que realmente fazem isso e outros Uber cheiram a McDonald’s de três dias. Os cheiros do spa diurno em um carro teriam sido muito mais preferíveis.

Como você pode criar óleos essenciais com suas palavras? Fácil – palavras são poderosas e podem definir o clima. 

Comece com uma introdução envolvente que traga seus clientes ao seu mundo e os torne parte dele. 

Mantenha-os com você enquanto conta uma história. Use pesquisas científicas, humor ou emoção quando apropriado – não apenas os deixe entrar. 

Seus clientes estão vindo passear com você; torná-lo agradável.

A dica uber de 5 estrelas: defina o clima com antecedência para seus clientes e garanta uma viagem agradável.

3. Compreenda os dados demográficos e as preferências do seu cliente

“Durante os primeiros 30 segundos de cada viagem, sorrio e faço algumas perguntas para conhecê-los e descobrir que tipo de personalidade eles têm.

Se eles forem tagarelas e amigáveis, continuarei fazendo perguntas, enquanto ofereço água, balas, picolés, carregadores de telefone ou qualquer outra coisa de que possam precisar. 

Se perceber que eles estão cansados ​​e prefeririam ficar sozinhos, faça isso.

Colocar uma música tranquila e deixá-los em paz. Essa é uma habilidade que você só pode adquirir com a prática e fazendo muitas viagens.

Assim que alguém entra no carro, posso descobrir rapidamente que tipo de pessoa é e dirigirei com isso em mente.

Este. Se você ignorar todos os outros pontos aqui, ficarei triste, mas ficarei chateado se você ignorar este ponto.

Qualquer que seja o site ou publicação para o qual você escrever, haverá estatísticas disponíveis. 

Estude-os. Quem é seu público? Quais são seus interesses? Quais são suas preferências? Então leve em consideração na hora de seguir a sua viagem e perceba como isso afeta a sua reputação.

Como se tornar um técnico de controle de pragas

Como se tornar um técnico de controle de pragas

Pessoas interessadas em aprender um determinado ofício podem considerar o controle de pragas como uma carreira. 

Técnicos de controle de pragas identificam e removem pragas de edifícios e propriedades. 

Eles inspecionam as áreas em busca de evidências de pragas como roedores e insetos, incluindo formigas, baratas, percevejos, mosquitos e cupins, e normalmente criam planos de tratamento para eliminar ou prevenir problemas de pragas. 

Esses técnicos fornecem serviços para empresas, residências e quaisquer outras estruturas onde possam necessitar de uma boa Dedetizadora.

Habilidades Chave

Técnicos de controle de pragas precisam de certas habilidades e habilidades para ter sucesso. 

Seu trabalho exige resistência física, uma vez que precisam passar um tempo significativo em pé e manobrar em espaços apertados nas instalações que atendem, às vezes em circunstâncias desconfortavelmente quentes ou frias. 

Eles também devem ser detalhados ao lidar com pesticidas e produtos químicos potencialmente prejudiciais. Além disso, eles precisam ser qualificados para trabalhar com clientes e manter registros.

Etapa 1: Complete o treinamento

Depois de obter um diploma do ensino médio, um técnico em controle de pragas em potencial pode precisar concluir algum treinamento.

 Os empregadores costumam oferecer programas de treinamento de controle de pragas que abrangem a aplicação de pesticidas e aspectos essenciais do trabalho, como o manejo de roedores e cupins. 

Esses programas geralmente levam cerca de três meses para serem concluídos. 

Dependendo da natureza de seu programa de treinamento, novos técnicos de controle de pragas podem ter a oportunidade de praticar suas habilidades em instalações projetadas para replicar ambientes do mundo real, como hotéis e restaurantes. 

Os técnicos também podem participar de treinamentos no local de trabalho, uma vez que comecem a trabalhar.

Etapa 2: Obter licença

Os técnicos de controle de pragas devem ser licenciados na maioria dos estados. Para obter a licença, a maioria dos estados exige que os técnicos recebam treinamento e sejam aprovados em um exame. 

Os técnicos podem precisar fazer um exame geral e um exame que cubra especificamente sua área de interesse. 

Por exemplo, exames de certificação estão disponíveis em áreas como controle de pragas domésticas, controle de pragas agrícolas, fumigação e controle de mosquitos. 

Os cursos de certificação geralmente precisam ser aprovados pelo Departamento de Agricultura do estado. 

Os testes são geralmente baseados em computador e os candidatos podem precisar fazer os exames em locais de teste designados. 

Depois de passar no exame, os estados geralmente exigem que os técnicos enviem um pedido de licença e paguem uma taxa.

Etapa 3: educação continuada e recertificação

Os técnicos de controle de pragas precisam renovar suas licenças periodicamente; muitos estados concedem licenças válidas de três a cinco anos. 

Para manter o licenciamento, os estados podem exigir que os técnicos concluam cursos de educação continuada antes que suas licenças expirem. 

Aulas de educação continuada de controle de pragas estão disponíveis em uma variedade de escolas e instituições de controle de pragas e em uma variedade de tópicos.

 Por exemplo, os técnicos podem ganhar créditos de educação continuada em controle de pragas florestais, aquáticas ou de saúde pública. 

As aulas de recertificação geralmente estão disponíveis online e geralmente têm uma taxa associada.

Veja Como Uma Ferramenta Simples Pode Facilitar A Gestão Do Seu Trabalho (Foto de Oleg Magni no Pexels)

Veja Como Uma Ferramenta Simples Pode Facilitar A Gestão Do Seu Trabalho

Ter uma ferramenta como o Google TAG Manager que facilite a gestão de um negócio, é o sonho de todo empreendedor. Uma ferramenta que realiza diversas funções em poucos minutos, dispensando assim a contratação de vários funcionários. 

Um dos maiores desafios para quem tem um negócio próprio é saber lidar com diversas funções que uma empresa exige. Ainda que seja um negócio de pequeno porte, a organização é fundamental para se ter um bom resultado. 

Por isso, para te ajudar nesse desafio, selecionamos algumas curiosidades da ferramenta do Google que tem conquistado muitos empreendedores. 

O que é essa ferramenta do Google chamada Tag Manager? 

Alguns anos atrás, o Google era apenas uma empresa de navegação online. Atualmente, mais do que uma empresa para dar conforto aos internautas, o Google se tornou facilitadora das empresas online. 

Uma das maiores empresas do mundo todo, o Google lançou ferramentas para facilitar a gestão tanto de pequenas empresas quanto de grandes negócios. Uma dessas é o Tag Manager que te permite organizar todo o funcionamento do seu trabalho. 

A ferramenta te permite criar um código em determinado site, pelo qual através desse código outros serviços podem ser instalados sem a necessidade de modificar esse código. Desta forma, tempo pode ser economizado, produtividade será otimizada e o lucro será apenas uma consequência.

Benefícios do Tag Manager 

O Google está aí para facilitar a vida dos empreendedores. Com o Tag Manager você terá uma grande melhoria no seu Marketing. E como todos sabem, o marketing é a grande chave do negócio. 

Você pode oferecer um produto de qualidade para os seus clientes, mas se a sua propaganda não mostrar isso, certamente seu negócio vai tender ao fracasso. Você precisa ter em mente que as pessoas se comportam pelo que elas veem. 

Diante disso, é essencial você investir no seu Marketing. Com o Tag Manager, você terá a possibilidade de fazer toda uma análise do seu mercado sem a necessidade de estar alterando os códigos a cada vez que você quiser fazer uma nova campanha. 

E é aí que está a grande sacada da ferramenta. Dispensando a necessidade de um desenvolvedor para modificar os códigos, você terá mais economia de tempo para elaborar melhor suas campanhas. 

Importância do Tag Manager para quem tem um trabalho autônomo

Para os trabalhadores autônomos é indispensável uma ferramenta que possa fazer o trabalho de quatro ou cinco profissionais. O Tag Manager dispensa mão de obra, pois ele faz tudo em um só lugar. 

Gerir o próprio negócio não é fácil, pois além de se preocupar com a lucratividade é preciso se atentar ao engajamento com o negócio. As campanhas publicitárias são essenciais para isso. 

A ferramenta do Google monitora o número de visitas em sua página, melhora conversões, além de realizar outras métricas do site.

Para quem está começando a se aventurar no mundo online, o software se torna um grande aliado. Ele é bem simples de manusear e você não paga nada por isso. Comece hoje mesmo e veja a revolução no seu negócio. 

Dicas para abrir a sua empresa de consultoria de imagem (Foto de Tim Mossholder no Pexels)

Dicas para abrir a sua empresa de consultoria de imagem

Que tipo de treinamento devo fazer? Como faço para alcançar meu público? Como faço para gerenciar fundos?

Se você decidiu abrir seu negócio de consultoria de imagem, você também deve ter muitas perguntas.

Portanto, para ajudá-lo melhor, é importante garantir que tenha um curso de consultoria de imagem e essas dicas que vamos dar. 

Leia algumas dicas muito importantes para criar um roteiro antes de iniciar seu negócio de consultoria de imagem.

Decida que tipo de clientes você deseja atingir

Como consultor de imagem, você pode trabalhar com uma variedade de clientes que buscam diferentes serviços. 

E embora uma variedade de projetos reduza a monotonia de sua vida, você deve escolher uma área de interesse onde possa demonstrar seus conhecimentos. Isso ajudará você a atingir exatamente o tipo de clientela que deseja atrair.

Então, descubra no que você é naturalmente bom; pode ser networking, comunicação, apresentação, falar em público, cuidados pessoais, roupas e estilo, etc. 

Agora, verifique onde sua força se encaixa perfeitamente sob o guarda-chuva da consultoria de imagem.

Isso lhe dará uma ideia clara da trajetória de sua carreira, antes mesmo de você se preparar para ela.

Seja treinado e certificado

Depois de identificar seus pontos fortes, opte por um treinamento formal para se tornar um especialista. 

Você pode encontrar muitos consultores de imagem autodidatas, mas, acredite ou não, uma certificação melhora imediatamente sua credibilidade. 

A confiança das pessoas de que você é treinado para auxiliá-los em todos os aspectos da moda, comportamento e comunicação o ajudará a estabelecer uma base de clientes melhor mais rapidamente do que os consultores de imagem autodidatas. 

Além disso, um curso estruturado de consultoria de imagem irá cultivar suas habilidades de negócios e dar-lhe um grande começo.

Não saia do emprego que paga as contas

Quando decidir buscar consultoria de imagem, você ficará tentado a deixar seu emprego atual e investir seu tempo totalmente em treinamento. 

Mas essa pode não ser uma decisão sábia. Você precisará de fundos para financiar seu treinamento e para abrir seu negócio. 

E para isso, você deve ter um plano de backup em vigor. Então, continue o que você está fazendo para que o fluxo de caixa não seja interrompido. 

Você pode começar tendo aulas nos finais de semana e praticando à noite ou nos dias de folga. Isso ajudará você a progredir lentamente, mas de forma consistente. 

E quando sua carreira de consultoria de imagem começar a dar frutos, você pode pedir demissão e começar a trabalhar como consultora de imagem em tempo integral.

Rede com outras pessoas na indústria

Na indústria de consultoria de imagem, o networking é a chave. A razão é que você não terá um portfólio assim que começar. 

E é aqui que o marketing boca a boca entra em cena. Você pode obter seus primeiros clientes através de sua rede para criar um portfólio e construir seu caminho a partir daí. 

Portanto, expanda seus horizontes e encontre especialistas de diferentes setores, como TI, gerenciamento de eventos, fotografia, treinamento e desenvolvimento, educação, etc. e comunique que você está aberto a oportunidades. 

Colocar um esforço extra para criar e usar sua rede em seu benefício lhe dará o pontapé inicial de que você precisa.

3 melhores aplicativos para trabalhar em casa (Foto de olia danilevich no Pexels)

3 melhores aplicativos para trabalhar em casa

Ir para o escritório com certeza não é o que costumava ser. 

Tudo bem, então minha transição do tempo de quarentena pode não ser tão dramática quanto algumas, pelo menos no que diz respeito ao horário de trabalho. 

Tenho trabalhado em casa há mais de uma década, então a mudança generalizada para locais de trabalho virtuais tem sido relativamente fácil para mim.

Isso não significa que não tive nenhum ajuste, no entanto. O meu está acontecendo pouco a pouco há anos. 

E se há uma coisa que aprendi durante esse tempo, é que manter-se organizado, eficiente e, pelo menos, um pouco são enquanto mescla seus mundos pessoal e profissional exige esforço. 

E ter as ferramentas de tecnologia certas à sua frente ajuda muito a tornar isso mais fácil, como o whatsapp gb.

Abaixo estão 3 aplicativos que provaram ser inestimáveis ​​para mim em meu próprio ambiente de trabalho em casa. 

Algumas são coisas que tenho usado desde muito antes do coronavírus se tornar parte de nosso vernáculo global, enquanto outras são adições relativamente recentes ao meu arsenal de home office.

Experimente todos e veja qual funciona para você – se você está trabalhando em casa apenas temporariamente ou por um longo período.

1. ORGANIZE TUDO

Não importa o tipo de software em que seu trabalho depende oficialmente para o rastreamento de tarefas. 

Supondo que seu empregador forneça algum tipo de ferramenta corporativa – o Trello lhe dará uma vantagem sobre todos os outros, fornecendo uma estrutura flexível para sua organização recém-independente.

Em sua essência, o Trello é uma série de placas, cada uma com uma coleção de colunas cheias de cartas. 

E cada cartão representa algum tipo de tarefa – um único item, uma lista de verificação de vários itens ou mesmo uma imagem ou anexo.

2. DESLIGUE O RUÍDO DA QUARENTENA-ERA

Embora trabalhar em casa não seja nenhuma novidade para mim, o que mudou nas últimas semanas foi a presença perpétua de duas crianças de alta energia que gritam.

O salvador da minha concentração veio na forma de um serviço chamado Brain.fm, que usa dados científicos para criar “forte bloqueio de fase neural”.

Tipos especiais de música que supostamente têm a capacidade de “remover distrações no som” e “orientar você em um estado mental desejado. ”

3. MANTENHA O SOFTWARE REMOTO IMEDIATADO

Uma das peculiaridades mais estranhas que aprendi a contornar no domínio de trabalho em casa é algo que gosto de chamar de início de sessão remota. 

O hábito incômodo que certos sistemas têm de forçar você a sair quando você não clicou ativamente em qualquer botão após um determinado período de tempo.

O software às vezes faz isso em nome da segurança.

Especialmente quando você não está em um escritório local, a inatividade é considerada um sinal de que você não está mais em seu computador, o que significa que outra pessoa poderia, teoricamente, ter tomado seu lugar. 

E então o software desconecta você para garantir que nenhum desses lurkers obtenha acesso em sua ausência.

Dicas para reduzir seus custos para pequenas empresas (Foto de Amina Filkins no Pexels)

Dicas para reduzir seus custos para pequenas empresas

Aproximadamente oito em cada dez pequenas empresas falham nos primeiros 18 meses após a inauguração.

Um dos muitos problemas que essas empresas normalmente enfrentam envolve a falta de financiamento para suas operações continuadas.

Mesmo que essas pequenas empresas possam vender grandes volumes de produtos e serviços, elas podem falir completamente devido aos altos níveis de despesas.

Em alguns casos, os donos não sabem nem como ver 2º via das contas atrasadas de luz e acabam com mais dívidas e ainda, sem luz. 

Para evitar esses e outros problemas semelhantes, aqui estão algumas dicas que você pode usar para reduzir os custos de sua pequena empresa.

1 – Reduza os custos trabalhistas 

Contrate trabalhadores terceirizados e freelancers para trabalhos não essenciais e em vez de pessoal permanente.

O pessoal que uma pequena empresa contrata pode fazer uma grande diferença na quantidade de dinheiro paga a cada mês. 

O pequeno empresário precisa saber exatamente que tipo de trabalho reduzirá os custos da pequena empresa.

Por exemplo, em vez de contratar funcionários permanentes em tempo integral para instalar e consertar sistemas de computador, você pode contratar técnicos autônomos.

Consequentemente, você elimina o custo financeiro de pagar salários competitivos mais altos, seguro saúde, folga remunerada e outros benefícios relacionados que vêm junto com o status de contratação tradicional.

2. Reduzindo o uso de papel

Reduzir o custo de compra de lotes de papel para a empresa também pode representar uma grande economia para o pequeno empresário.

 Há uma ampla gama de maneiras diferentes de atingir suas metas e objetivos nessa área. Por exemplo, você pode eliminar os grandes volumes de uso de papel, utilizando as recomendações a seguir.

  • Certifique-se de usar o recurso padrão frente e verso ao imprimir grandes volumes de cópias.
  • Em vez de entrar em contato com o correio tradicional para enviar arquivos de um destino para o próximo, use sistemas de arquivos eletrônicos para enviar banda de papelada adiante.
  • Relatórios e documentação antigos podem ser reciclados para rascunho
  • Reduza os tamanhos das fontes para imprimir mais em uma página quando apropriado

3. Mudar de sistemas legados para novas tecnologias

As tecnologias mais novas estão sendo desenvolvidas para todos os tipos de coisas diferentes. 

Para economizar tempo e dinheiro, esses sistemas mais novos podem ser implantados a qualquer momento para uso em pequenas e grandes empresas.

Portanto, se houver algum sistema legado mais antigo em qualquer parte da operação, uma versão alternativa mais atualizada pode ajudá-lo a eliminar despesas adicionais.

4. Reduza a sobrecarga e o consumo de energia com um termostato programável.

Trazer dinheiro novo para o negócio não é a única maneira de obter lucro continuamente. Você pode reduzir as despesas prestando muita atenção à energia que está sendo usada para executar uma operação específica.

O consumo de energia agora pode ser controlado automaticamente com um termostato inteligente. 

Com o termostato programável, você pode programar o termostato para desligar todos os utilitários quando ninguém estiver trabalhando.

5. Promova seu negócio com estratégias digitais inovadoras e acessíveis

Algumas grandes empresas têm orçamentos de marketing muito grandes para comercializar com sucesso suas marcas hoje. 

Mesmo que isso seja verdade, as pequenas empresas podem obter os mesmos resultados ou semelhantes implementando estratégias e técnicas de rede de mídia social acessíveis online.

Por exemplo, se você deseja usar o LinkedIn e o Facebook para comercializar os serviços da sua empresa, pode reduzir o custo do marketing tradicional em até 50% ou mais se souber como executar essas campanhas de forma eficaz.